Artigo

Title

Como poupar dinheiro no regresso às aulas

Imagem Teaser

Cadernos e lapis

Body

O Verão aproxima-se rapidamente do fim e quando se dá por ela chegou Setembro e com ele o regresso às aulas. E o regresso às aulas implica sempre gastar dinheiro: roupa nova, calçado novo, mochila nova e mil e uma coisas novas para a escola. Num mês que pode ser particularmente difícil para os pais em termos financeiros, descubra como pode poupar dinheiro no regresso às aulas.

Comece com uma lista. Faça uma lista para cada criança, onde enumera tudo aquilo que ela vai precisar para o novo ano letivo, desde roupa e calçado, passando pelo material escolar. É muito mais fácil não ultrapassar o orçamento e evitar aquisições impulsivas e supérfluas, quando se sabe exatamente aquilo que é necessário comprar.

Faça um inventário de roupa e calçado. Com a lista em mãos, não vá a correr para o centro comercial, comece as compras em casa! Faça uma limpeza geral a armários e gavetas: veja que roupas ou sapatos ainda servem à criança (uns jeans rotos ou com uma nódoa podem ganhar nova vida com um patch engraçado; uma camisola curta nos braços pode ser transformada numa t-shirt); analise se pode aproveitar algumas coisas que já não servem ao filho mais velho para o mais novo; pode até fazer uma “troca de roupa” com familiares, amigos ou vizinhos que também têm crianças.

Faça um inventário de material escolar. Procure no escritório, nas gavetas onde guarda todas as canetas oferecidas e nas mochilas do ano passado e reúna todo o material escolar que possa ter sobrado de anos anteriores e que possa ser reutilizado. Para além de poder começar a riscar itens da sua lista, já começou a poupar dinheiro.

Quanto mais cedo, melhor. Comece a comprar material escolar o mais cedo possível, pois, quanto mais nos aproximarmos do regresso às aulas, mais elevados são os preços. Aproveite os saldos de Verão para adquirir roupa e calçado novo para o Outono e não se esqueça das lojas outlet que oferecem grandes descontos em vestuário e sapatos – mesmo que sejam de coleções passadas, o importante é investir em bons básicos para as crianças.

Pesquise e compare. Qualquer supermercado ou loja disponibiliza, hoje em dia, material escolar. Então, qual é a principal diferença? O preço claro! Antes de comprar, pesquise vários locais de compra – desde a loja especializada em material escolar e de escritório até o seu supermercado habitual. Esteja atento a todos os folhetos promocionais que recebe no correio e faça uma lista com cabazes do material escolar que necessita de comprar com base em 2 ou 3 lojas diferentes para determinar qual aquela que mais dinheiro permite poupar no regresso às aulas.

Livros em segunda mão. Regra geral, os livros escolares são renovados anualmente, mas não custa nada averiguar, antes de comprar, se o seu filho mais velho, um primo ou vizinho não terá esse livro e o pode emprestar durante o próximo ano letivo. Uma maneira fácil de poupar dinheiro no regresso às aulas.

Lista do professor. Não é raro os professores entregarem aos alunos uma lista do material escolar que vão necessitar para o novo ano letivo. Antes de ir comprar tudo o que estiver na lista, certifique-se se já tem algum desse material escolar em casa; depois compre apenas o que falta, cingindo-se exatamente àquilo que o professor pediu – caso contrário, pode gastar dinheiro desnecessariamente ao comprar algo parecido, só para depois ter de comprar o que o professor solicitou. 

Qualidade vs. Quantidade. Existem certas coisas em que vale a pena investir se pretende poupar dinheiro no regresso às aulas: uma boa mochila, lancheira, porta-lápis, tesoura, casaco de Inverno, botas e sapatilhas são apenas algumas das coisas que as crianças vão precisar todos os anos, ou seja, em vez de ter de comprar um novinho em folha a cada ano letivo, invista em peças de qualidade, sem seguir tendências, para que durem, no mínimo, 2 ou 3 anos.

Analisar as compras. Depois de ter riscado todos os itens da lista de compras para o regresso às aulas, analise cada um dos talões de compra, no sentido de averiguar se efetivamente poupou dinheiro ou se poderia ter poupado mais e em quê. Aproveite para elaborar o seu orçamento ideal para o regresso às aulas e guarde-o juntamente com os recibos para o próximo ano. Poupar dinheiro também é um processo de aprendizagem e de prática!