Artigo

Title

Como poupar dinheiro na Páscoa

Imagem Teaser

Body

Como qualquer data festiva, também a Páscoa traz com ela o consumo: entre os chocolates e ovos, o tradicional almoço, uma mesa cheia de iguarias, presentes para os afilhados, uma roupa nova e outros miminhos, não há orçamento que aguente! Ou há?

Preços de Páscoa

Assim como em qualquer época que requer compras avultadas, também na Páscoa é crucial pesquisar e comparar preços, uma vez que estes variam de uma loja para outra. Perca algum tempo a analisar os muitos folhetos publicitários que inundam as caixas de correio por esta altura e elabore os seus cabazes em diferentes lojas, para poder determinar qual aquela que lhe permite poupar mais dinheiro. Atenção ainda às datas das promoções: anote-as na agenda ou coloque um lembrete no telemóvel. Esta é ainda uma boa forma de criar e manter um orçamento para a Páscoa!

Se quer poupar, a tradição tem de mudar!

Embora pouco tradicional, uma forma de poupar dinheiro na Páscoa passa pela troca do almoço de Páscoa por um brunch ou buffet de Páscoa – afinal de contas, há uma mesa repleta de iguarias para se saborear, por isso, elaborar mais uma refeição vai apenas aumentar o orçamento e o trabalho. Para economizar ainda mais na cozinha, peça a alguns dos seus convidados (sim, aqueles que perguntam sempre se é preciso trazer alguma coisa!) para contribuírem com um doce, um salgado ou uma bebida. E, em vez de comprar tudo feito, nas pastelarias por exemplo, porque não tentar fazer em casa?

Roupa nova

É uma forte tradição, em muitos países, estrear uma roupa nova no domingo de Páscoa – algo que se pode tornar incomportável quando se tem em conta todos os outros gastos relacionados com a quadra ou quando se está a falar de uma família numerosa. Como contornar esta situação sem gastar muito dinheiro? Aproveitar os saldos de fim de estação para compor o look para a Páscoa, reaproveitar alguma coisa que possa ter no armário de um casamento ou outra festa formal, trocar roupa com amigas ou irmãs (o mesmo aplica-se às crianças que podem aproveitar a roupa dos irmãos ou primos mais velhos). Afinal, é apenas para um dia…

Decoração de Páscoa low-cost e feito em casa

Festa não é festa sem uma decoração condizente, mas isso também não quer dizer que tenha de gastar um rio de dinheiro na compra de elementos decorativos alusivos à Páscoa. Em casa, pode recolher imagens de coelhinhos e ovos na Internet, imprimir e juntar para fazer uma bonita grinalda; pode aproveitar as guloseimas compradas para a Páscoa para encher recipientes transparentes e dispor numa mesa; pode criar uma coroa ou um ninho com galhos e decorá-la com apontamentos pascais; pode encher um vaso com ramos de árvore e suspender ovos da Páscoa dos mesmos com fitas coloridas… mais importante, guarde todas as decorações da Páscoa de um ano para o outro, para continuar a poupar dinheiro! Pode também procurar artigos de Páscoa a preços de saldo em lojas de decoração logo depois da época: já fica para o ano e a bom preço!

Ovos de Páscoa personalizados

Uma das formas mais simples e até divertidas de poupar dinheiro nesta quadra é mesmo decorar os tradicionais ovos da Páscoa em casa, com produtos que provavelmente até tem na despensa. Misture algumas colheres de vinagre com corante e água e… toca a pintar os ovos previamente cozidos! Colorir ovos de forma natural é um projeto giro e económico para a Páscoa e depois os ovos até podem ser incorporados na decoração da mesa ou oferecidos…

Chocolate caseiro

Não há Páscoa sem chocolate e não há orçamento que aguente, por vezes, com os preços avultados que muitos dos ovos e coelhos de chocolate da Páscoa evidenciam. Como poupar dinheiro sem abdicar dos tradicionais e deliciosos chocolates? Fazendo-os em casa! Inspire-se nesta receita, divirta-se, economize e surpreenda…

Ofertas de Páscoa poupadinhas

Mais do que ovos de chocolate gigantescos, são os brindes acompanhantes, repletos de desenhos animados e outros ídolos infantis que mais seduzem as crianças na Páscoa… e que arruínam a carteira dos adultos! Em alternativa: compre sacos grandes de gomas em formatos divertidos, ovinhos de Páscoa pequenos, amêndoas e componha um saquinho ou cestinho variado para oferecer (para as crianças, inclua alguns desenhos da Páscoa para poderem colorir!). Os sacos grandes de chocolates e guloseimas são mais económicos e a distribuir por todos será mais económico e quem não vai adorar descobrir o que é que o coelho da Páscoa lhes trouxe! Pode ainda juntar bolachas, biscoitos ou bombons feitos por si com formatos alusivos à Páscoa para conseguir poupar ainda mais dinheiro. Se tem por hábito oferecer algo mais às crianças e/ou aos afilhados, procure incluir uma pequena lembrança no cesto: um carrinho, uma pulseira, um baralho de cartas, um batom de cieiro com brilhantes… por vezes, são mesmo estes pequenos detalhes que se recordam mais!  

Boa Páscoa, boas poupanças!