Artigo

Title

30 formas de poupar dinheiro no ar condicionado

Imagem Teaser

Ar condicionado

Body

Chega o bom tempo e os aquecedores e a lareira são rapidamente substituídas pelo ar condicionado – uma forma rápida e eficaz de arrefecer a casa quando as temperaturas sobem lá fora. Embora não seja uma energia eficiente, pois, o seu uso reflete-se na conta de eletricidade no final do mês, existem algumas dicas que permitem, direta ou indiretamente, poupar no ar condicionado, sem derreter…

  1. Faça uma manutenção anual do sistema de ar condicionado, limpando regularmente o filtro: esta é a melhor forma de assegurar que o ar condicionado funcione eficazmente, sem desperdícios.
  2. Se o aparelho do ar condicionado tiver também uma unidade exterior, certifique-se que estas não estejam muito longe uma da outra – caso contrário, o consumo energético vai aumentar.
  3. Sempre que tiver o ar condicionado a funcionar, certifique-se que todas as portas e janelas da casa estão fechadas e, já agora, que estejam bem vedadas.
  4. A instalação de vidros duplos é um investimento inicial com um excelente retorno futuro, uma vez que permite poupar no ar condicionado no Verão e no aquecimento no Inverno.
  5. As melhores caixilharias para manter o calor no exterior são as de madeira e de PVC. As caixilharias em alumínio e sem isolamento térmico atraem o calor.
  6. Mantenha candeeiros e outros produtores de calor longe do aparelho do ar condicionado, pois o calor emitido por estes vai fazer com que o ar condicionado trabalhe mais do que o necessário.  
  7. Apesar de ser sempre crucial manter os equipamentos eletrónicos desligados se não estiverem a ser usados, torna-se ainda mais importante no Verão, para que não se registe um sobreaquecimento da casa… e poupa ainda na fatura da eletricidade.
  8. Troque as lâmpadas tradicionais por lâmpadas económicas – estas geram menos calor. Para além disso, desligue todas as luzes que não estão a ser utilizadas, apenas servem para aquecer mais o ambiente.
  9. Feche o recuperador de calor situado sobre a lareira para evitar a fuga do ar fresco.
  10. Equipe as janelas com autocolantes refletores que, contendo uma camada metálica, aumentam o poder refletor do vidro, diminuindo assim a quantidade de calor que entra pelas mesmas.
  11. Certifique-se que as saídas do aparelho de ar condicionado não estejam obstruídas por nenhum objeto ou sujidade.
  12. Evite utilizar o forno em dias de muito calor – para além de aquecer em demasia a casa, vai ter de usar mais o ar condicionado e/ou baixar a sua temperatura.
  13. Programe as máquinas de lavar loiça, de lavar roupa e de secar roupa para trabalharem exclusivamente de noite (ou pelo menos depois do pôr do sol) – assim evitará uma cozinha ou lavandaria ainda mais quente.
  14. Não utilize a máquina de secar roupa durante o Verão: é mais rápido e económico secar a roupa ao ar livre.
  15. Troque os duches quentes por duches mais frios e evite o uso do secador, deixando o cabelo secar ao ar livre.
  16. No final de cada banho ou durante o mesmo, ligue o exaustor da casa de banho/banheiro para retirar a humidade entretanto produzida.
  17. Durante o dia, ou seja, nas horas de maior calor, mantenha as persianas e cortinas fechadas, para evitar aquecer demasiado a casa.
  18. Antes de se deitar, programe o ar condicionado para desligar dali a 30 ou 40 minutos; caso contrário corre o risco de adormecer e deixar o aparelho a trabalhar toda a noite, o que não permite poupar dinheiro!
  19. Em alternativa ao ar condicionado (ou depois de este ter trabalhado um pouco), ligue uma ventoinha de teto ou de pé para criar uma brisa dentro de casa e/ou fazer circular o ar.
  20. Se a casa tiver mais do que um andar, passe o maior tempo possível no(s) andar(es) mais baixo(s), uma vez que são também os mais frescos.
  21. Em casa, vista roupa fresca e programe a temperatura do ar condicionado de acordo com isso. Se ligar primeiro o ar condicionado no máximo, o mais certo é ter frio e vestir-se para “aguentar” o frio, o que apenas se traduz em gastos desnecessários.
  22. Sempre que chegar da rua, retire os sapatos, de forma a permitir que o corpo arrefeça mais rapidamente.
  23. É ainda possível poupar no ar condicionado com algumas alterações efetuadas no exterior da casa: coloque plantas junto ao aparelho do ar condicionado no exterior para arrefecê-lo e reduzir o seu esforço. Se possível, plante árvores e arbustos de sombra nos lados sul e oeste da casa, tornando-a assim mais fresca.
  24. Um espelho de água, lago ou piscina também contribui para o arrefecimento das paredes da casa, graças à evaporação da água.
  25. Recorra à vegetação para revestir o telhado – as plantas absorvem o calor, evitando que este entre para dentro de casa e crie o efeito estufa.
  26. Se ainda estiver em fase de construção, evite o uso de pedra, cimento e asfalto nos lados sul e oeste da casa.
  27. Se puder escolher, opte por pintar a casa de branco, uma vez que esta cor reflete o calor.
  28. A instalação de toldos é uma excelente maneira de proteger varandas e pátios nas horas de maior calor, reduzindo também a temperatura dentro de casa.
  29. Desligue o ar condicionado sempre que sair de casa ou reprograme-o para minutos antes da chegada prevista – estes aparelhos arrefecem rapidamente as casas, por isso, mais vale desligar e voltar a ligar mais tarde.
  30. Saia de casa e vá aproveitar o ar condicionado de locais como museus, galerias de arte, bibliotecas, salas de cinema, centros comerciais… ou refresque-se numa piscina ou à beira-mar!